Qual a diferença entre descriminar e discriminar?

O verbo transitivo direto descriminar (o mesmo que descriminalizar) significa isentar de culpa; tornar evidente a ausência de culpa ou contravenção; absolver.  Ele é formando pelo prefixo des- (que significa oposição, negação ou falta) + o verbo criminar (que significa imputar fato criminoso a alguém ou a si mesmo; acusar).

Exemplo: Alguns sociólogos são a favor de descriminar o uso das drogas.

Já o verbo discriminar significa perceber as diferenças; discernir, distinguir; colocar à parte por algum critério, especificar, classificar ou listar. Porém, a significação do ato de discriminar na sociedade tem uma concepção mais popular, a exclusão de grupos ou indivíduos por características étnicas, culturais, religiosas ou sexuais.

Exemplo: Para muitos, o projeto de “cura gay” discrimina radicalmente os homossexuais.

Por isso, enquanto o ato de descriminar quer dizer isentar de um crime, o ato de discriminar pode ser considerado um crime na atual legislação vigente do país. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário