Qual o termo correto: enfarte, enfarto ou infarto?


Na verdade há muita discussão em torno do assunto. Para alguns gramáticos o uso de qualquer um dos termos é indiferente. Para outros, nem tanto. 

Atualmente admitem-se quatro grafias distintas: enfarte, enfarto, i
nfarte ou infarto. Porém, as duas últimas, infarte e infarto, são as mais usadas.


Alguns estudiosos afirmam que as palavras enfarto/enfarte correspondem ao ato de enfartar, empanturrar, tornar cheio. Enquanto que infarte/infarto correspondem exclusivamente à condição de falência cardíaca que pode levar o indivíduo à morte.

Os profissionais da área médica têm notada predileção pelo uso da palavra infarto para designar ataque cardíaco ou a lesão no músculo cardíaco causada pelo entupimento das artérias. 

Deve-se tomar cuidado, no entanto, com o uso de qualquer uma destas grafias quando precedentes do termo "fulminante", pois segundo a definição do dicionário Houaiss da língua portuguesa, fulminante significa “que mata rápida ou instantaneamente”.

Sendo assim qualquer pessoa que tenha sofrido um ataque cardíaco fulminante, independentemente de ter sofrido um enfarte ou infarto, certamente não sobreviveu para contar história.

Conclusão: o termo mais indicado para referir-se a um ataque cardíaco é a palavra infarto ou sua variante infarte.     

Se foi útil pra você compartilhe nas redes sociais! 

12 comentários:

  1. Tá, e qual é o significado das palavras, etimologicamente falando?

    ResponderExcluir
  2. Tá, e qual é o significado das palavras, etimologicamente falando?

    ResponderExcluir
  3. Parece bem esclarecedor. Porém, se vocês citassem as fontes acrescentariam muito mais credibilidade.

    ResponderExcluir
  4. E se a pessoa morreu e depois "reviveu"
    Minha avó teve um infarto, ela "morreu" por 1 minuto, algo assim, e depois os médicos conseguiram reanimá-la. ela teve um "infarto", "enfarto", ou ambos?

    ResponderExcluir
  5. Não teve nem infarte nem enfarte . Teve foi sorte

    ResponderExcluir
  6. Ora, se vive não estava morta; no mínimo ele teve um EQM (experiência quase morte)

    ResponderExcluir